Pesquise no site da PIB:

 

 

 

                        

DATA – 10.09.2017 MANHÃ TEXTO – Atos 16:25-34

I. INTRODUÇÃO: 

Em 7 de setembro de 1822 o Brasil teve o inicio do seu processo de “Independencia”.

Me lembro do hino – “7 de setembro, data tão festiva, foi a independencia desta terra tão querida.”

Sim alegria pela independencia! Mas alegria maior é quando os anjos catam lá nos céus por um pecador que se arrepende (Lucas 15:10).

O capítulo 16 de Atos nos apresenta três testemunhos de conversões notáveis, são eles: Timóteo, nos versos 1,2; Lídia, no verso 14 e o carcereiro de Filipos, nos versos 31-34. Liberdade plena só em Jesus:

 

II. DIVISÃO: 

  1. LIBERDADE FÍSICA – verso 26 – Paulo e Silas após um dia de açoites e humilhação estavam cantando louvores a Deus e de repente foram soltos de suas cadeias.

 2. LIBERDADE EMOCIONAL – verso 27-28 – após despertar do sono de maneira abrupta, o carcereiro que era responsável pelos presos pensou em se matar, mas Paulo o impediu com uma voz de amor e compaixão.

3. LIBERDADE ESPIRITUAL - versos 29-31 - revigorados pelo louvor, Paulo e Silas puderam testemunhar de Jesus ao carcereiro e a sua família e puderam ver todos sendo libertos do pecado. 

 

  1. CONCLUSÃO

A liberdade plena só é alcançada pela Graça de Jesus, o carcereiro e sua família tiveram a melhor recompensa de todas, assim como Timóteo e Lídia ele e os seus foram alcançados pela mensagem da Cruz, pela mensagem do amor de Jesus.

Esta é a mensagem que também fará diferença em sua vida e na vida de toda a sua família. Mensagem que liberta do peso, da culpa e do poder do pecado.

Nossa Nação será plenamente livre quando a Graça de Jesus for manifesta a todos os seus habitantes!

Jesus – Transformação e vida!