Pesquise no site da PIB:

 

 

 

                        

MENSAGEM PIB BRÁS – A IMPORTÂNCIA DA REFORMA PROTESTANTE HOJE 

DATA – 29.10.2017 MANHÃ TEXTO – Romanos 1:17

 

  1. INTRODUÇÃO:

A apresentação das 95 teses de Lutero em 31 de outubro de 1517 é um marco de um movimento de quase dois séculos que alterou profundamente a história da Igreja.

A ênfase na autoridade das Sagradas Escrituras e na salvação somente pela graça, mediante a fé em Jesus Cristo, foram ressaltadas pela Reforma.

A Reforma foi um mover em direção ao evangelho, ou seja, voltar ao cristianismo original, bíblico e apostólico.

Este deve ser sempre o caminho da igreja caminhar cada vez mais perto do evangelho.

A reforma deve ser uma constante, uma bandeira a ser carregada.

O que estava no coração da reforma?

Martinho Lutero compreendeu que a justiça de Deus é uma dádiva imerecida em Romanos 1, portanto a justificação estava no coração da reforma.

Para Lutero e Calvino a justificação é a declaração divina de que a justiça de Cristo é atribuída ao que crê somente por causa da graça de Deus (sola gratia).

Essa justificação, portanto, é somente pela fé (sola fide) em Cristo.

O que significa que toda a glória da salvação é dada somente a Deus, e não a nós.

Outro ponto importante é que as Escrituras são a única base segura para a convicção da fé (Sola Scriptura).

A Bíblia é a autoridade Suprema.

Foram pronunciadas 5 Solas - “Sola é uma palavra latina que significa SOMENTE”.

A Reforma Protestante deixou patente 5 solas que sintetizam os credos teológicos.

Sola Fide (Somente a Fé),

Sola Scriptura (Somente a Escritura),

Solus Christus (Somente Cristo),

Sola Gratia (Somente a Graça) e

Soli Deo Gloria (A Gloria somente a Deus).

 

  1. DIVISÃO: 

SOMENTE A GRAÇA - “Pois vocês são salvos pela graça, por meio da fé, e isto não vem de vocês, é dom de Deus; não por obras, para que ninguém se glorie. ” (Efésios 2:8-9) - A palavra de Deus está nos dizendo que a salvação é recebida pela FÉ baseada unicamente na GRAÇA de Deus.

SOMENTE CRISTO“Não há salvação em nenhum outro, pois, debaixo do céu não há nenhum outro nome dado aos homens pelo qual devamos ser salvos.” (Atos 4: 12)

É unicamente Jesus Cristo, que expiou o pecado e nenhum homem oferecer sua própria justiça por seus pecados, porque todos os homens nascem pecadores e estão sob a condenação do pecado 

SOMENTE A FÉ“Assim como o corpo sem espírito está morto, também a fé sem obras está morta. ” (Tiago 2: 26) - Ao estudarmos (Efésios 2: 9) podemos concluir que nós não estamos salvos “por obras, para que ninguém se glorie”, e reafirma e esclarece o significado do versículo 8, que a salvação não pode vir por obras, mas somente pela graça, mediante a fé – e isto não vem de vós, é dom de Deus. 

SOMENTE A ESCRITURA - "Examinais as Escrituras, porque vós cuidais ter nelas a vida eterna, e são elas que de mim testificam;" – João 5:39 – A Palavra de Deus é autoridade máxima, revelada por Deus aos homens – II Pedro 1:20-21.

 

  1. CONCLUSÃO: 

A GLORIA SOMENTE A DEUS – a salvação não vem pelas obras, com já lemos, para que nenhum homem venha a se gloriar por ter alcançado a remissão dos pecados pelos seus próprios méritos. Mas a Glória da nossa redenção deve ser sempre dada ao Nosso Grande e Excelso Deus. A ênfase na autoridade das Sagradas Escrituras e na salvação somente pela graça, mediante a fé em Jesus Cristo, foram ressaltadas pela Reforma.

A Reforma foi um mover em direção ao evangelho, ou seja, voltar ao cristianismo original, bíblico e apostólico.

Por este motivo celebramos a Reforma Hoje

Para Glória do Nosso Deus!