Pesquise no site da PIB:

 

 

 

                        

Como o próprio nome diz, o projeto “Bíblias para os Povos” quer levar a Palavra de Deus aos não alcançados, novos convertidos e também à igreja sofredora. No continente asiático, mais especificamente no Oriente Médio, Missões Mundiais tem atuado por meio desse projeto para levar a mensagem do Evangelho de Cristo a quem tanto precisa. O “Bíblias para os Povos” está em destaque na campanha “Presente para o Mundo” durante o mês do aniversário de 110 anos de Missões Mundiais.O objetivo de Missões Mundiais continua sendo o de alcançar os lugares de maior necessidade no mundo com a distribuição de Bíblias. Para isso, o desafio precisa ser não só nosso, mas de todo o povo de Deus. É o que já tem sido feito há quase uma década na Ásia, onde cerca de um milhão de exemplares das Escrituras e do Novo Testamento já chegaram às mãos de um número muito maior de pessoas.

No Oriente Médio, o missionário Jessé Carvalho compartilha que, ao se encontrar com pessoas que receberam a Bíblia, os testemunhos que ouviu são impactantes.

Em uma sociedade tão secularizada como a do Uruguai, plantar uma igreja é uma vitória. E quando essa igreja chega ao oitavo ano, só resta agradecer a Deus por sua bondade e fidelidade. E foi isso que aconteceu em Montevidéu, onde a congregação Pueblo Nuevo completou oito anos em abril.

“Tivemos um lindo culto de celebração, glorificando e agradecendo ao Senhor que nos permitiu chegar até aqui”, diz o Pr. Daniel Duarte de Oliveira, nosso missionário no Uruguai.

Segundo o Pr. Daniel, a visita da senhora Lídia, uma vizinha que tem sido acompanhada pela missionária Clélia de Oliveira, ao culto de aniversário da congregação Pueblo Nuevo foi muito especial. Lídia foi especialmente para agradecer as orações respondidas em favor da sobrinha.

“Lídia ficou tão impressionada com as canções de louvor, com a mensagem da Palavra de Deus e o carinho com que foi recebida, que quer voltar. Glória a Deus! Vemos assim que nossa pequena congregação tem cumprido seu propósito de crescer como discípulos de Cristo, para amá-lo e servi-lo”, afirma o Pr. Daniel.

Ao receber aquele o Manual do Mensageiro imaginei como faríamos para ler e discutir todos aqueles assuntos, mas de forma brilhante e organizada, a diretoria estabeleceu uma agenda que iniciava às 8h30 e encerrava às 21h30.

Após a abertura e mensagem do Pr. Vanderlei Batista Marins, que nos convocou a manter o legado que recebemos, e assim como nossos irmãos do passado nos deixaram uma herança de trabalho por nossa pátria com ações evangelísticas pregando o Evangelho genuíno de Jesus Cristo, iniciando novas igrejas, alcançando todos os estados brasileiros e também através de ações sociais, que nossa geração também deixe sua marca na história dos Batistas do Brasil e do mundo.

Após a abertura e nomeação das Comissões e Diretoria das Câmaras Setoriais, forma como se dá a apreciação dos diversos relatórios apresentados em nosso manual, prosseguimos com os trabalhos, ouvindo os relatores das comissões. Em outro momento ouvindo mensagens por parte dos preletores e também participações musicais.

Quero destacar um assunto que requer cuidado e oração: o difícil momento que nossos Seminários estão atravessando, diante da redução do número de alunos, para manter o quadro de professores, sendo a única fonte de renda as mensalidades pagas e uma participação da CBB. Nossos Seminários, não tem alcançado o valor necessário para o seu equilíbrio financeiro.

Como apresentamos na primeira parte do nosso relatório, a CBB também recebeu, através do Pr. Eli Tucuna, a primeira solicitação de associação por parte de uma tribo indígena. Foram recebidas nesta Assembléia, pela primeira vez em nossa história, 17 igrejas da Tribo Tucuna. Uma destas igrejas tem mais de 2.000 membros.

No último culto, para comemorar os 120 anos da Primeira Igreja Batista do Pará e da região Amazônica, foram batizados 120 novos irmãos e irmãs libertos do pecado para uma nova vida em Cristo Jesus. Uma festa de grande alegria para os batistas, que tem deixado sua marca e seu legado como proclamadores das Novas do Evangelho.

BOLETIM DOMINICAL

O PEPE - Programa de Educação PréEscolar

 

Download

CELEBRANDO ANIVERSÁRIO

dia 29 JULHO hoje • Dc. Antônio Ezequiel Rodrigues Pereira • Renata Grego Benavides
dia 30 JULHO segunda-feira • Alexandre Carvalho Moraes • Paltiel Rodrigues Cavalcanti • Walter Candido Santana
dia 31 JULHO terça-feira • Paulo Fernando Siro
dia 1º AGOSTO quarta-feira • Denis Ferro Júnior • Helena Maria Pacanaro Landim • Paulo Gabriélli
dia 2 AGOSTO quinta-feira • Antônio Carlos de Moura • Júlia Roberta Martins Silva • Suzana Barreto Alves
dia 3 AGOSTO sexta-feira • Ana Paula Nóbrega da Silva

CELEBRANDO BODAS

dia 29 JULHO hoje • Amanda e Ricardo Freitas Silveira 12 anos BODAS DE SEDA • José e Telma Cristina Moroni Braz Gonsalez 18 anos BODAS DE TURQUESA
dia 30 JULHO segunda-feira • Fátima e Paltiel Rodrigues Cavalcanti 40 anos BODAS DE ESMERALDA
dia 2 AGOSTO quinta-feira • Ivete e Gamaliel Padilha 28 anos BODAS DE HEMATITA

Mensagem do Culto

  • MOVIDOS PELA GRAÇA - 25.11.18 - MANHÃ – MATEUS 9:35-38 (Mensagem do Culto)

    MOVIDOS PELA GRAÇA  Data – 25.11.18 MANHÃ Texto – Mateus 9:35-38   INTRODUÇÃO:  Não há como fazer o trabalho sozinho Jesus insta com os discípulos para orar por mais obreiros Três verbos nos chamam a atenção nesta narrativa Verbo exprime ação Este é o desejo do Coração de Jesus para com sua Igreja, uma Igreja em ação   DIVISÃO:  I. VER O Coração de Jesus estava dominado pela misericordiosa piedade pelo povo. Sua resposta ecoa a profunda misericórdia de Deus, frequentemente descrita no Antigo Testamento. O Profeta Ezequiel também comparou o povo de Israel como ovelhas que não tem pastor – Ezequiel 34:5-6....

    Leia Mais...