Não se pode esconder a verdade infinitamente, creia nisso!

2 Reis 22 e 23 📜
Atos 5 📖

“Ouvindo estas palavras, Ananias caiu e expirou, sobrevindo grande temor a todos os ouvintes.” (Atos 5:5)

Ananias e Safira sofreram o julgamento de Deus não porque eles apresentaram aos apóstolos uma oferta que não era correspondente ao total da venda de uma propriedade.

Os irmãos da Igreja primitiva tinham grande preocupação com a camada social menos favorecida. Eles eram generosos e ninguém dizia que coisa alguma do que possuía era sua própria, mas todas as coisas lhes eram comuns (At 4.32). Os que possuíam casas, vendiam-nas e traziam o valor, depositando aos pés dos apóstolos (At 4.34).

Aqueles cristãos não eram coagidos a doar os seus imóveis ou terras. Os que assim faziam, faziam de forma voluntária. Ananias e sua mulher, porém, resolveram apresentar-se aos apóstolos entregando uma oferta como se fosse o valor total da venda quando, na verdade, ficaram com parte do preço. Deus conhece o coração do homem:

“E não há criatura alguma encoberta diante dele; antes todas as coisas estão nuas e patentes aos olhos daquele com quem temos de prestar contas.” (Hb 4.13).

Ananias mentiu e o apóstolo Pedro revelou sua atitude dizendo que ele estava mentindo ao Espírito Santo. A mentira custou as vidas de Ananias e Safira. Não se pode esconder a verdade infinitamente, creia nisso!

A leitura coletiva da Bíblia em 1 ano é uma atividade anual, promovida pelo Instituto Bíblico, parte do MEC (Ministério de Educação Cristã) da PIB do Brás, liderado pelo irmão Saulo Calixto.

Curta, compartilhe e abençoe famílias. Compartilhe palavras de esperança, envie as mensagens para alguém e espalhe a Palavra de Deus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Primeira Igreja Batista do Brás. Uma igreja bíblica, missionária e acolhedora, fundada em 8 de junho de 1911. Uma comunidade de fé unida pelo amor da Graça de Jesus Cristo derramada em nossos corações; unidos no propósito de reviver a cada dia a história de alegria pela vida de cada alma rendida aos pés do Senhor; alegria pelos passos de cada um rumo a Jesus Cristo, Autor e Consumador da nossa fé; alegria de esperar a Gloriosa Vinda do Nosso Amado Salvador. (Pr. Marcos Peres)
Artigos recentes