Não seria necessário atualizar a Bíblia?

A Leitura Bíblica de hoje é:

Isaías 41 e 42 📜

Gálatas 1 📖 

“Assim, como já dissemos, e agora repito, se alguém vos prega evangelho que vá além daquele que recebestes, seja anátema.” 

(Gálatas 1.9)

Depois de tantos séculos, não seria necessário atualizar a Bíblia com outros livros sagrados?

(Gálatas 1.6-12)

Essa é uma pergunta honesta.

Não estaria a Bíblia desatualizada?

Não lhe falta algum complemento?

Vários são os grupos religiosos que têm sugerido uma “complementação da Bíblia”, como se a mensagem de Deus nas Escrituras estivesse incompleta. 

Precisamos reconhecer que a mensagem de Deus na Bíblia é única.

Muitos outros livros podem conter verdades e dar-nos conselhos úteis, mas nenhum deles pode ser comparado à Bíblia. 

Nem mesmo a mensagem trazida por uma criatura espiritual ou angelical pode ser aceita como Escritura Sagrada ou como um Evangelho.

A revelação escrita de Deus está encerrada na Bíblia. Como vemos no versículo 8, qualquer outra pretensa revelação é considerada anátema (maldita).

Reflexão:

– Poderia Deus ter deixado a Igreja Cristã tantos séculos com uma Bíblia incompleta?

– Você conhece algum grupo que acredita possuir a “complementação” da Bíblia?

– A doutrina desses grupos completa a Bíblia ou contradiz o ensinamento da mesma?

(B.E. Esperança, 2000, pg. 169)

A leitura coletiva da Bíblia em 1 ano é uma atividade anual, orientada pelo pastor Adesilto Asevedo Silvestre (@adesilto.asevedo) e promovida pelo Instituto Bíblico, parte do MEC (Ministério de Educação Cristã) da PIB do Brás, liderado pelo irmão Saulo Calixto.

Curta, compartilhe e abençoe famílias. Compartilhe palavras de esperança, envie as mensagens para alguém e espalhe a Palavra de Deus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Primeira Igreja Batista do Brás. Uma igreja bíblica, missionária e acolhedora, fundada em 8 de junho de 1911. Uma comunidade de fé unida pelo amor da Graça de Jesus Cristo derramada em nossos corações; unidos no propósito de reviver a cada dia a história de alegria pela vida de cada alma rendida aos pés do Senhor; alegria pelos passos de cada um rumo a Jesus Cristo, Autor e Consumador da nossa fé; alegria de esperar a Gloriosa Vinda do Nosso Amado Salvador. (Pr. Marcos Peres)
Artigos recentes