Débora Santos

Intensifiquem as orações pela Comissão de Sucessão Pastoral

No culto matutino do domingo, 14/08, a irmã diaconisa Débora Santos exortou toda a igreja a intensificar as orações pela Sucessão Pastoral que vivemos neste ano na PIB do Brás. 

O convite é para que, nas segundas-feiras, se intensifiquem as orações individuais pelos seguintes motivos:

  • pelo trabalho dos 15 membros da Comissão de Sucessão Pastoral;
  • pela análise dos nomes indicados pela igreja;
  • pela igreja, por cada membro para que no momento oportuno todos participem submissos a orientação do Espírito Santo, na dependência do nosso Deus. 

No dia 03/07/2022 concluímos o processo de indicação dos nomes do nosso novo pastor. Todos os membros da igreja foram convidados a participar de diversas atividades que nos levaram a refletir sobre “a igreja que somos, a igreja que queremos ser” e, conforme indicado em assembleia no dia 19/06, neste início de mês pudemos indicar até 3 nomes de pastores como sugestão que será apreciada e analisada pela Comissão de Sucessão Pastoral.

Indicação de nomes para sucessão pastoral PIB do Bras

Relembramos a mensagem do pastor Irland Pereira de Azevedo, apresentando algumas orientações para indicação de nomes de pastores para liderar a nossa igreja no culto em que foram entregues as fichas para essas indicações.

Na leitura coletiva da carta de Paulo aos Efésios (Ef 4:11-16), o pastor Irland nos alertou para os critérios do ministério pastoral que capacita o povo de Deus a ser firme na fé. Na primeira carta de Paulo a Timóteo (1Tm 3:1-13), temos critérios bíblicos para escolha do pastor. Paulo também trata da qualificação para o ministério também na carta a Tito (Tt 1:5) com ênfase para o temperamento equilibrado que busca a paz e ao comprometimento com a palavra de Deus.

É preciso ser alguém que ame a Palavra, pregue a Palavra, não duvide da Bíblia, apegando-se firmemente a ela, encorajando todos a defendê-la.

Aqui estão qualificações para o ministério. Não são acadêmicas, mas se exige a aptidão para pregar e defender a fé. No entanto o mais importante é que tenhamos gente de caráter e de integridade para liderar o povo.

Na carta de Pedro (1Pe 5:1-4) há um apelo para os que pastorearão o rebanho de Deus.

Aqui estão qualificações para o ministério. Não são acadêmicas, mas se exige a aptidão para pregar e defender a fé. No entanto o mais importante é que tenhamos gente de caráter e de integridade para liderar o povo.

Devemos orar pelo pastor de modo que ele cumpra cabalmente o seu ministério.

Fé e confiança

Por vezes passamos por inseguranças em nossas vidas no que diz respeito a seguir a vontade de Deus.

No culto matutino do dia 17/07, a diaconisa Débora Santos trouxe uma reflexão sobre o chamado de Gideão (Juízes 6 e 7), cuja historia nos mostra que, na verdade, seguir a vontade do Senhor, é batalhar junto dEle, e não pelos nossos próprios esforços ou méritos.

Destacamos o lindo louvor entoado pela jovem Vitória da Rocha, filha mais nova da irmã Débora, acompanhada do jovem André Inamura Calixto, da Banda Coram Deo, no violão.

No início do culto tivemos a participação das crianças que participaram da EBF (escola bíblica de férias) promovida pelo ministério infantil @pibbjr nesta semana.

Louvamos a Deus pelas vidas dessas crianças e conclamamos os irmãos a orarem por elas e por suas famílias. Agradecemos ao Senhor também pela vida dos voluntários, tanto da EBF quanto dos cultos que acontecem hoje.

Veja (ou reveja) o culto no nosso canal do YouTube.

A responsabilidade dos pais e a resposta dos filhos

Filhos são presentes de Deus para nós. Cada filho é diferente um do outro, mas devem receber os mesmos ensinamentos. O lar é nosso campo missionário. Venha saber mais sobre o assunto no Programa Semanal MCM deste domingo, 26/06,  às 17h. A irmã irmã Débora Santos vai discorrer sobre o tema “A responsabilidade dos pais e a resposta dos filhos”.


A organização Mulher Cristã em Missão, idealizada pela UFMBB, reune diferentes “grupos de mulheres cristãs” com o elas têm em comum:  fazer Cristo conhecido, pregar e ensinar a Palavra, multiplicar os discípulos. É em prol dessa missão que elas se unem, agem e interagem na igreja, na família, no trabalho, no ambiente acadêmico, enfim, onde quer que estejam. A missão é uma só, mas cada mulher que faz parte desse grupo tem seu contexto de vida e experiências. Por isso, pensando nos diferentes estágios pelos quais passa a mulher ao longo de sua existência, a organização é formada por quatro grupos específicos: Jovem, Singular, Mãe e Plena.

Se você deseja participar das atividades, acompanhe no grupo de WhatsApp, moderado pela irmã diaconisa Marilia Berzins, líder deste ministério. 

Retrospectiva do Mês das Famílias

📜 Em ti serão benditas todas as famílias da terra
(Genêsis 12:3b)

O Ministério de Integração das Famílias agradece a Deus e à nossa amada igreja, à diretoria e aos líderes pela ajuda, cooperação e união durante todo o Mês das Famílias nas ações do Drive Thru, no conforto para as famílias enlutadas e no acolhimento dos novos membros.

Agradecemos às queridas famílias que cooperaram nos cultos com participações musicais e no show de talentos.

No Congresso da Família, nossa alegria pelas participações dos Ministérios Infantil e JPC com suas famílias, e pelo culto conjunto na Congregação Hispânica.

Agradecemos à família Domingues pelo apoio nas vigílias e à família Asevedo pela organização do show de talentos.

Aos nossos queridos e amados pastores: Pr. Marcos Peres, Pr. Moises Alves Santos, Pr. Adesilto Asevedo Silvestre,
Pr Fernando Maia e Pr Jesús Sanchéz, nosso muito obrigado a todos.

Que Deus abençoe grandemente a todas as famílias da PIB do Brás.

O Ministério de Integração das Famílias da PIB do Brás é liderado pelo casal José e Izildinha Calixto, que agradecem o apoio dos irmãos Palti e Walesca Melo, Maurinei e Débora Rocha, Kátia Inamura Calixto, Lidiany Monike Calixto, Vera Luciane Calixto, e no apoio integração de jovens e adolescentes, André Inamura Calixto e Giorgio Shiraishi Nunes da Silva, e Miriam Moura Silvestre, no apoio no mês das famílias.